FABRÍCIO BOLIVEIRA ESTREIA FILME NA ARGENTINA

 

Com excelentes críticas, o filme Breve Miragem do Sol chegou para o público argentino na última quinta, dia 21 de maio, através da plataforma digital cine.ar play. Tendo como protagonista o ator Fabrício Boliveira, o longa, dirigido por Eryk Rocha, apresenta o ator com pouca falas, mas com discurso direto, transmitido em expressões fortes e olhares precisos.

O filme chama a atenção por se passar quase que inteiramente dentro de um táxi, onde Fabrício vive o personagem Paulo, homem que começa a dirigir o automóvel para conseguir dinheiro e pagar a pensão do filho, impedido de vê-lo, com apenas 10 anos de idade. A noite é o tempo da película que traz histórias distintas de vidas, mostrando um cenário caótico das ruas do Rio de Janeiro e as relações conflitantes.

“Si bien la película, una coproducción entre Brasil y Argentina, fue filmada antes del ascenso de Jair Bolsonaro a la presidencia y, obviamente, sin imaginar que una pandemia viral iba a hacer desastres precisamente en esa misma ciudad (y en las vidas de enfermeros como Karina), no se puede evitar verla desde esa perspectiva, lo cual le agrega un grado de dramatismo aún mayor. Si así estaba la ciudad entonces, ¿cómo estará ahora? Lo que queda claro en MIRAGEM es que esas tensiones sociales, raciales y económicas, esa violencia e intensidad urbanas, no son nuevas sino que siempre han formado parte de las redes de relaciones urbanas de Brasil y de toda América Latina” lembrou bem Diego Lerer em sua crítica do micropsiacine.com.

Para Laura Pacheco Mora, do metafilmika21, “Los primeros planos de las miradas, sobre todo de nuestro protagonista, son acertados, dada la excelente interpretación de Fabrizio Boliveira, una profunda y dolorosa mirada que comunica muchísimo, y acompaña a la dirección y al guion desde el comienzo. Una película contada desde su punto de vista, un narrador actual, en movimiento constante, dinámico y emergente, inmerso en el infierno de una gran ciudad latinoamericana y de un país en apuros”.

Ainda sem data prevista de estreia no Brasil, o filme segue ocupando territórios necessários com discursos pertinentes.

Premiações

Melhor ator para Fabrício, edição e fotografia no Festival do Rio, melhor longa metragem prêmio Indie Lisboa no XV Panorama Internacional Coisa de Cinema em Salvador, melhor diretor no X Festival Pachamama cinema de Fronteira no Acre e em janeiro desse ano participou do Festival de Cinema de Gotemburgo na Suécia.

Acompanhe as novidades no Instagram @brevemiragemdosol

Ficha Técnica

Breve miragem de sol

Brasil-França-Argentina/2019)

Direção: Eryk Rocha
Roteiro: Fabio Ariani, Julia Ariani, Eryk Rocha
Fotografia: Miguel Vassy /
Edição: Renato Vallone.
Música: Ava Rocha, Negro Léo y Kiko Dinucci Elenco: Fabrício Boliveira, Barbara Colen, Cadu N. Jay, Inés Estévez, Luis Ziembrowski
Duração 98 minutos

Gabriela Bandeira
Comunicativa, antenada e com atuação há mais de 16 anos na área de assessoria de comunicação, Gabriela Bandeira é jornalista formada pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), com curso de extensão na Universidade de Jornalismo de Santiago de Compostela (Espanha). Em 2019, reuniu toda a sua experiência e expertise em comunicação estratégica e conteúdos digitais, com atuação há mais de 12 anos no segmento de shopping center, e abriu a própria agência: a Comunicando Ideias. Filiada à Associação Brasileira de Agências de Comunicação (ABRACOM), possui alcance na Bahia e outros estados do Nordeste.