Clínica vai oferecer consulta e aconselhamento reprodutivo gratuitos a 60 casais inférteis

Mais de 60% das pessoas com problemas para ter filhos conseguem ter a situação revertida com medidas simples ou tratamentos de baixa complexidade. Com base nesta estimativa, a clínica Insemina promove essa ação de aconselhamento reprodutivo com o objetivo de ajudar casais inférteis que não têm acesso aos especialistas em reprodução humana, orientando sobre medidas que podem aumentar as chances de uma gravidez natural

Para muitas mulheres que não conseguem engravidar espontaneamente, o Dia das Mães pode reforçar sentimentos de angústia, tristeza e frustração. Segundo estimativa da OMS (Organização Mundial de Saúde), a infertilidade atinge cerca de 8 milhões de brasileiros. Em homenagem ao mês das mães, a Insemina, clínica especializada em reprodução assistida, vai oferecer consulta gratuita para até 60 casais inscritos previamente. O atendimento, dentro do limite de vagas, será realizado mediante agendamento prévio pelo telefone (71) 3012-3010. As consultas serão realizadas nas quintas-feiras do mês de maio, das 8h às 12h e das 13h às 17h, na sede da clínica, no Comércio (Rua Miguel Calmon, nº 40, Edifício Conde dos Arcos, salas 102 e 103), em Salvador. “Os pacientes inscritos para o atendimento poderão esclarecer suas dúvidas diretamente com os especialistas de medicina reprodutiva e obter orientação individualizada e adequada para cada caso”, esclarece a médica Gérsia Viana, especialista em medicina reprodutiva e diretora da Insemina.

Segundo a médica, “o foco do atendimento é o aconselhamento reprodutivo visando prestar assistência e acolhimento para casais que, muitas vezes, não têm acesso aos especialistas da área “.A recomendação é que as pacientes levem exames atuais e compareçam acompanhadas de seus parceiros. Homens e mulheres dividem a responsabilidade pela infertilidade. “Cerca de 40% dos casos de infertilidade de um casal são atribuídos à mulher, 40 % aos homens e em 20% dos casos as causas são indefinidas ou o problema está presente nos dois”, afirma Gérsia.

Maioria dos casos de infertilidade pode ser solucionada com medidas ou tratamentos simplesEstima-se que apenas um terço dos casais que sofre de infertilidade necessita técnicas mais complexas para realizar o sonho de ter um bebê. Mais de 60% das pessoas com problemas para ter filhos conseguem ter a situação revertida com medidas simples ou tratamentos de baixa complexidade. Com base nesta estimativa, a clínica Insemina, fundada há 7 anos, realiza essa ação de atendimento gratuito duas vezes por ano, sempre nos meses de maio e agosto, em homenagem aos dias das Mães e dos Pais.

O objetivo da ação é ajudar casais inférteis que não têm acesso aos especialistas em reprodução humana, orientando sobre medidas que podem aumentar as chances de uma gravidez natural, uma vez que nem todos os casais que enfrentam problemas de infertilidade necessitam recorrer a uma técnica complexa de reprodução assistida para ter um filho. Nos casos em que um tratamento mais complexo é indicado, a clínica oferece um programa especial adequado à realidade do paciente. “A iniciativa da clínica Insemina tem como objetivo prestar orientação e acolhimento aos pacientes com dificuldade para ter filhos e que não têm acesso integral aos especialistas da área”, destaca Gérsia Viana.

Algumas recomendações são importantes para manter a saúde reprodutiva: não fumar, manter-se no peso adequado, ter uma alimentação saudável, buscar atividades para controlar o estresse e a ansiedade, dormir bem, evitar consumo excessivo de bebida alcoólica e praticar atividade física regularmente.

Sobre a Insemina

Fundada em 2015, a Insemina Centro de Reprodução Humana é uma clínica especializada em Reprodução Assistida, que disponibiliza atendimento mais acessível e adequado à realidade da região. A clínica conta com uma equipe médica experiente e altamente qualificada. Além dos tratamentos especializados de reprodução assistida, várias técnicas, exames e procedimentos como histeroscopia, diagnóstico pré-implantacional (PGD), preservação da fertilidade (congelamento), realização de exames de espermograma, dosagem de hormônio antiMulleriano e outros são realizados, graças à parceria da Insemina com clínicas de referência na Bahia e no Brasil. Em Salvador, a clínica atua em parceria com o Cenafert (Centro de Medicina Reprodutiva), onde os procedimentos de Reprodução Assistida, como Fertilização In Vitro (FIV) e Inseminação Intrauterina, são realizados contando com as técnicas mais atuais e seguras e equipamentos de última geração. Localizada no Comércio, a Insemina conta com consultórios e sala de ultrassom e funciona na Rua Miguel Calmon, nº 40, Edifício Conde dos Arcos, salas 102 e 103. Carol CamposAssessoria de Imprensa(71) 98853-1393

Gabriela Bandeira
Comunicativa, antenada e com atuação há mais de 16 anos na área de assessoria de comunicação, Gabriela Bandeira é jornalista formada pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), com curso de extensão na Universidade de Jornalismo de Santiago de Compostela (Espanha). Em 2019, reuniu toda a sua experiência e expertise em comunicação estratégica e conteúdos digitais, com atuação há mais de 12 anos no segmento de shopping center, e abriu a própria agência: a Comunicando Ideias. Filiada à Associação Brasileira de Agências de Comunicação (ABRACOM), possui alcance na Bahia e outros estados do Nordeste.